Por que o produtor rural deve estar atento às variações da taxa Selic?

Atualizado: 8 de dez. de 2021



Assim como todo investimento, a produção agrícola também está à mercê das variações financeiras do mercado, neste sentido, as variações da taxa Selic de juros impactam de forma mais incisiva e merece maior destaque, dada a sua relevância na economia brasileira. Mas o que vem a ser essa tal taxa Selic?


Selic é a sigla para Sistema Especial de Liquidação e Custódia, esse sistema é administrado pelo Banco Central do Brasil, que por sua vez é onde são realizadas as negociações de títulos públicos federais.


Mas por que isso é importante? A taxa de juros Selic é a taxa que baliza a política monetária brasileira e é usada como ferramenta para controlar a inflação. É utilizada como base principal de sistemas de financiamentos, como o Plano Safra e do Crédito Rural.


Com a taxa de juros Selic mais elevada, os custos a serem pagos pela captação de empréstimos e financiamentos das atividades do agronegócio serão também elevados, o que leva a retenção de investimentos na produção e os redirecionam aos títulos de dívida pública que estarão com maior rentabilidade, atraindo também investidores externos à investirem nestes títulos, deixando a relação entre dólar e real mais estável.


Quando a taxa de juros Selic está baixa, significa que os custos bancários de remuneração cobrados pelos empréstimos obtidos (juros) também estarão baixos, assim, a produção é estimulada e torna-se um período propício para captação de empréstimos e financiamentos para o agro empreendedor, proporcionando um cenário favorável para alavancar ou mesmo retomar a sua atividade rural.


A cada 45 dias, o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC) reúne-se para reajustar a taxa Selic, que pode variar por diversos motivos, desde os prejuízos das secas e geadas à metas anuais do governo, que determinam as subidas e descidas das taxas de juros.


Por vezes, o produtor rural não se atenta às possíveis variações da taxa Selic que afetam os financiamentos que realizaram. Para que esteja preparado, é imprescindível que o produtor rural faça um planejamento prévio das possíveis variações da taxa de juros Selic antes de realizar a captação de novos empréstimos bancários, com o acompanhamento de profissionais qualificados que estejam por dentro do assunto, que orientem, revisem e estabeleçam cláusulas contratuais de forma minuciosa, prevenindo os seus clientes de surpresas e possibilitando um investimento com a maior seguridade possível.

.

.

Escrito por Weslley Souza Borges

Graduando em Direito pela Universidade Federal de Jataí

Estagiário

.

.

#advocaciadeprecisão #taxaselic #juros #inflação #financiamentorural #planejamentofinanceiro

.

.

Entre em contato conosco:

Email: senior@alvarosantosadvocacia.com

Instagram: @alvarosantosadvocacia

Youtube: https://bit.ly/3t2JMrv

Tel: (64) 3636 7630

Rua Itarumã, 990, Setor Oeste, Jataí, Goiás, Brasil. CEP 75804-076.

17 visualizações